Luigi Bezzon

Luigi Bezzon

Graduando em Ciências Econômicas pela ESALQ/USP, Luigi Bezzon é analista do time de Inteligência de Mercado da StoneX em Fertilizantes e Óleos Vegetais.
Este texto teve a colaboração de Marcelo Bonifacio.

Pesquisa realizada no final de maio apontou que cerca de 61% das negociações para o 2º semestre 2021 já foram realizadas

StoneX estima avanço na comercialização de fertilizantes para a safra 2021/22

Os agricultores brasileiros estão otimistas com o plantio da próxima safra, 2021-22, e têm buscado planejar mais cedo as aquisições de fertilizantes visando as próximas janelas de aplicações. Ao menos, é o que aponta os dados da última pesquisa de acompanhamento das negociações de fertilizantes no Brasil, realizada pela StoneX na segunda metade de maio, que registrou o contínuo avanço das negociações de NPK por parte dos agricultores.

A escalada da cotação dos grãos desde o início do ano trouxe ainda mais otimismo para a safra 2021/2022 brasileira, cujo plantio deverá ser iniciado em meados de setembro. Apesar da forte valorização dos nutrientes nos últimos meses, as relações de troca, seguiram favoráveis aos agricultores para a maioria das commodities na maior parte de 2021.

Os elevados patamares de preço dos grãos também ajudaram a capitalizar os agricultores, que estiveram mais dispostos e possibilitados a anteciparem as compras dos fertilizantes. Assim, garantindo a fixação de um preço mais favorável e se protegendo contra as oscilações do mercado ao longo dos próximos meses.

Relação de troca entre o preço da soja e do KCl em Paranaguá (sacas/tonelada)

Fonte: StoneX. Elaboração StoneX.

O levantamento da StoneX, que cobriu cerca de 40% da área total estimada de plantio de grãos no Brasil, revelou que cerca de 61% das negociações para o segundo semestre já foram realizadas, considerando a média nacional. Esse número é 18 pontos percentuais maior em relação à pesquisa de fevereiro deste ano, quando já apontava a tendência de antecipações nas compras por NPK e agora a reforça. De todos os entrevistados, 47% relatou que já teria negociado entre 75 e 100% de suas necessidades, e uma minoria, de 20%, adquiriu menos de 25% dos fertilizantes para o segundo semestre de 2021.

Evolução do índice de negociação de fertilizantes para o 2º semestre

Fonte: StoneX. Elaboração StoneX.

O avanço nas aquisições de fertilizantes fica evidente por diversas frentes de comparação. Em fevereiro deste ano, o volume de negociações para o 2º semestre já estava avançado se comparado a 2020, registrando 43% (contra 37% ano passado). Em abril de 2020, 47% das negociações já haviam sido realizadas, o que, em uma média simples, mostrava um crescimento mensal de 5 pontos percentuais. Nesta nova pesquisa, realizada em maio de 2021, o crescimento para 61%, pode ser observado tanto na comparativa em relação a abril do ano passado, quanto ao crescimento mensal médio desde fevereiro deste ano, de 6 pontos percentuais – também acima de 2020. O destaque nesse adiantamento e no avanço nas compras de NPK vai para o Centro-Oeste, que já teria negociado 71% de suas necessidades para o próximo semestre.

Comercialização de entregas para o 2ºS de 2021 (% comercializado)

Fonte: StoneX. Elaboração StoneX.

Para o primeiro semestre de 2022, 68% dos entrevistados negociaram menos de 25% do planejado, enquanto apenas 11% já teriam adiantado entre 75 e 100% de suas compras. Embora o ritmo pareça normal, podemos indicar uma certa antecipação por parte de alguns agricultores para a primeira metade do ano que vem. Em maio de 2021, a pesquisa indicou que 28% das negociações já haviam sido realizadas para o primeiro semestre do ano que vem. Se formos comparar com julho de 2020, este número estava em 31%, muito próximo do registrado na rodada de entrevistas deste mês. Neste ritmo, provavelmente em julho deste ano o indicador já terá superado a marca do ano passado.

Luigi Bezzon

Graduando em Ciências Econômicas pela ESALQ/USP, Luigi Bezzon é analista do time de Inteligência de Mercado da StoneX em Fertilizantes e Óleos Vegetais.
Este texto teve a colaboração de Marcelo Bonifacio

Este artigo é um exemplo dos conteúdos disponíveis para assinantes no Portal de Relatórios.

Conheça a plataforma!

Relatórios de Mercado

Mensalmente, os especialistas da StoneX produzem mais de 600 informativos sobre as principais commodities mundiais. Conheça os boletins para acompanhamento dos mercados de Grãos (soja, milho e trigo), FertilizantesAçúcar e Etanol, Algodão, Pecuária, Café, Energia, Óleos Vegetais e Câmbio.

    Quais são seus mercados de interesse?

    Açúcar & EtanolAlgodãoCâmbioEnergiaFertilizantesMilhoSojaTrigoPecuáriaCaféÓleos Vegetais

    Como soube dos boletins de mercado da StoneX?

    FacebookLinkedInInstagramWhatsAppGoogleIndicaçãoOutrosEventosE-mail