Colheita de soja corre contra o tempo e produtor prevê perdas

Em Cambé, produtores esperam que o problema com a soja chegue até o porto: a colheita atrasada acarreta em grão ardido e impurezas

_DSC0254

Para os irmãos Onivaldo e Osvaldo Dante, produtores de Cambé (município da Região Metropolitana de Londrina), a safra 2015/16 corre contra o tempo. Da área total destinada à oleaginosa, de 590 hectares, apenas 242 hectares do grão foi retirado do solo. Desta parcela colhida, a média de produtividade tem girado em torno de 70 sc/ ha. Do que vem pela frente, ainda é um mistério. “O prejuízo para frente não se prevê. Grão ardido, problemas com impurezas, embarque. O problema agora vai chegar até o porto”, afirma Osvaldo, destacando a perda de qualidade que o produto pode sofrer.

Os problemas não param por aí. A soja que aguarda a colheita, no campo, está começando a germinar. E as previsões não animam: as chuvas, que atingem a região desde sábado (20), devem permanecer por mais dez dias.

_DSC0262

Os produtores destacam que os problemas com o clima úmido começaram desde o plantio. “Quem conseguiu plantar cedo tem uma perspectiva bem melhor de produtividade”, afirmam. A intenção dos irmãos para a safra recorrente é destinar toda a área de oleaginosa ao cultivo do milho ‘safrinha’ mas, com os imprevistos climáticos, foram semeados apenas 145 hectares.
Apesar destes contratempos, a ocorrência de pragas não foi um problema. Houve, apenas, duas aplicações para percevejo.

Onivaldo e Osvaldo Dante ainda afirmam que 50% da soja foi fixada para cobrir os custos de produção, que aumentaram bastante, puxados principalmente pelo adubo. Para a soja, as despesas passam de R$ 4.000 por alqueire.

 

Essa matéria é uma mera amostra promocional dos conteúdos disponíveis a assinantes através do Portal de Relatórios.

Teste já!

Experimente nossa plataforma de relatórios gratuitamente

Relatórios de mercado aprofundados

Os especialistas da INTL FCStone produzem mais de 300 relatórios mensais para o acompanhamento dos principais mercados globais de commodities.

Conheça os boletins para acompanhamento dos mercados de Grãos (soja, milho e trigo), FertilizantesAçúcar e Etanol, Algodão, Pecuária, Café, Energia, Cacau e Câmbio.

Para quais mercados você deseja receber notificações?*

Açúcar & EtanolAlgodãoCacauCâmbioEnergiaFertilizantesMilhoSojaTrigoPecuáriaCafé

Como soube de nós?*

FacebookLinkedInWhatsAppIndicaçãoGoogleOutrosNewsletter

*Campos obrigatórios

Carrinho Item removido. Desfazer
  • Sem produtos no carrinho.