Fábio Rezende

Fábio Rezende

Possui graduação em Ciências Econômicas e especialização em Finanças Corporativas pela UNICAMP. Trabalha na divisão de Inteligência de Mercado da INTL FCStone do Brasil desde 2014.

ICCO revisa projeção de superávit global para 10 mil toneladas

No final de maio, a Organização Internacional do Cacau (ICCO) divulgou uma revisão de suas estimativas para o balanço da temporada 2017/18 (out-set). Dentro do que o mercado esperava, e portanto sem efeito altista nos preços, a entidade reduziu sua projeção de superávit global de 105 mil toneladas (da sua primeira estimativa de safra, divulgada em fevereiro) para 10 mil toneladas.

Balanço de oferta e demanda global de cacau da ICCO (mil t)

Fonte: ICCO.

A mudança no saldo global ocorreu tanto por conta de uma revisão negativa na projeção de produção para 4,587 milhões de toneladas (-51), quanto por uma revisão positiva no número de demanda para processamento para 4,531 milhões de toneladas (+44). Como de costume, a entidade presume perdas de 1% na produção para cálculo do saldo.

O superávit de 10 mil toneladas fará com que os estoques finais da safra variem de 1,727 milhão de toneladas em 2016/17 para 1,737 milhão no final de setembro deste ano. Devido ao forte aumento de 3,0% na demanda de um ano ao outro, a relação estoque/uso (indicador com a maior correlação com os preços do cacau no longo prazo) cairá para 38,3%, versus 39,3% no fim da temporada passada.

Estimativa de produção de cacau por país (mil t)

Fonte: ICCO.

Em relação à produção por país, a ICCO manteve intacta sua projeção para o principal produtor, a Costa do Marfim, em 2,0 milhões de toneladas, recuo de 1,0% em relação ao resultado da safra anterior.

Já o segundo, terceiro e quarto maiores produtores, Gana, Indonésia e Equador, todos tiveram reduções em seus números para, respectivamente, 880, 260 e 260 mil toneladas (-20, -20 e -10). Gana e Indonésia apresentam quedas de produtividade por conta da alta idade média das árvores e pragas. Além disso, todos os três países registraram troca de área de cacau para outras culturas mais rentáveis.

A ICCO está levemente mais otimista para a safra brasileira, revendo sua estimativa de produção de 165 mil toneladas para 170 mil toneladas.

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn

Veja também

O que é a moratória da soja?

No ano de 2006, o Greenpeace publicou um relatório que apontava para a expansão da cultura de soja na região da Amazônia…

Teste já!

Experimente nossa plataforma de relatórios gratuitamente
Carrinho Item removido. Desfazer
  • Sem produtos no carrinho.